terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Onde estás, poesia?


Está aqui... e aí ao mesmo tempo!
Está em todo o lado. 
Bem cedo, na beleza da aurora. No nevoeiro que nos envolve e nos aconchega. Na chuva, agressiva e cinzenta. No vento que passa por nós no Inverno e na brisa que desliza connosco no Verão! Na mares
ia encantadora. Nestas areias lusitanas!
Aqui, onde estou. Aí, onde está!
No ar que respiramos quando pensamos nas palavras, no ritmo, na música. No silêncio. Até me parece que há algo de poético na ausência da poesia. (Mas estaria a contradizer-me porque afirmo que ela está sempre em todo o lado...).
Na luz efémera que não vemos das nossas almas.
Na Saudade!
Nas suas palavras. Em si! Em nós! No Mundo e no Amanhã!


Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela tua visita :)